IHM associa-se à CMF na colocação de Compostor no Bairro do Hospital

 

A IHM – Investimentos Habitacionais da Madeira, EPERAM procedeu, nesta terça-feira dia 22 de novembro, à entrega de apoios financeiros a 19 famílias, no âmbito do PRID - Programa de Recuperação de Imóveis Degradados, promovido por esta entidade pública. A cerimónia contou com a presença do Secretário Regional de Equipamentos e Infraestruturas (SREI), Pedro Fino, bem como de todo o conselho de administração da IHM.

No global, estes apoios totalizam 270 mil euros, verba que foi distribuída pelos 19 agregados familiares residentes em vários concelhos da Região, nomeadamente Funchal, Câmara de Lobos, Ribeira Brava, Ponta do Sol, São Vicente, Porto Moniz, Machico e Santa Cruz.

Esta verba vem possibilitar a realização de obras prementes, como a substituição de coberturas, fachadas, pavimentos, caixilharias, reabilitação de instalações sanitárias, obras de adaptação do imóvel para membros portadores de mobilidade reduzida, tornando, assim, as habitações mais ajustadas e com condições de habitabilidade condignas.

O Programa de Recuperação de Imóveis Degradados constitui-se num apoio em que a verba é disponibilizada às famílias que não dispõem da totalidade dos meios financeiros para realizar obras de recuperação nas suas habitações. Este é concedido sob a forma de empréstimo sem juros, podendo ser a fundo perdido, quando se trate de famílias economicamente carenciadas. “Através deste programa tem sido possível fixar vários agregados familiares nas suas habitações e concelhos de origem”, referiu Pedro Fino na cerimónia, reforçando ainda que “não é apenas com a atribuição de uma habitação que se resolvem os problemas habitacionais, mas também com estes apoios”.

Até ao final do corrente ano, esta ajuda financeira tem como limite máximo o montante de 15 mil euros, sendo que, com a publicação do novo decreto-legislativo e portaria, o PRID passará para 20 mil euros, ficando assim mais ajustado à atual conjuntura socioeconómica.

Desde outubro de 2021, e já com a IHM sob a tutela da Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas, foram atribuídos 57 PRID, representando um total aproximado de 810 mil euros. Se for contabilizado o valor global desde 2015, o apoio do Governo Regional já ascendeu os 5,3 milhões de euros, representando um importante investimento deste Executivo no âmbito dos apoios às famílias. Este programa, que conta com cerca de 40 anos, já beneficiou, desde o seu arranque, 4600 famílias.

“A Habitação é uma prioridade do Governo Regional e continuaremos a apostar nesta área, que constitui um direito fundamental para todos”, rematou.