Fruto de um protocolo de cooperação entre a IHM - Investimentos Habitacionais da Madeira, EPERAM e a Escola Dr. Eduardo Brazão de Castro, desde o ano letivo 2016/2017, tem sido possível a realização de Cursos de Educação e Formação para Adultos (EFA) nos polos comunitários da IHM. A abertura do ano letivo no polo comunitário da Ribeira Grande, em Santo António, aconteceu hoje de manhã, com a presença de várias entidades e de muitos alunos e com a novidade de, este ano, já incluir o Nível Secundário.

Na ocasião, a presidente do Conselho de Administração da IHM, Vânia Jesus, enalteceu esta parceria que tem sido de continuidade e de sucesso com a Escola Dr. Eduardo Brazão de Castro. “Nos dois projetos-piloto, existentes, nos polos comunitários da IHM, da Nazaré e da Ribeira Grande, no concelho do Funchal, já formámos, desde 2016, 223 alunos”, referiu.

A presidente do Conselho de Administração da IHM recordou também que “o Governo Regional, através da IHM, para além da gestão do parque habitacional, apostou na inclusão social, o que tem permitido desenvolver um conjunto de projetos comunitários nos bairros, criando uma maior proximidade com quem vive nos conjuntos habitacionais, ajudando-os a desenvolver competências pessoais”. O projeto ‘Escola no Bairro’ é um bom exemplo disso, permitindo aos moradores dos bairros que concluam os níveis de escolaridade do Ensino Básico e Secundário. Vânia Jesus agradeceu ainda a todo o corpo docente da Escola Dr. Eduardo Brazão de Castro pelos seus ensinamentos, desejando a todos “um excelente novo ano letivo”.

Nuno Jardim, professor da Escola Dr. Eduardo Brazão de Castro, por seu turno, agradeceu aos parceiros “a confiança nesta escola” e confessou a satisfação pelo que fazem nestes bairros a nível de educação e formação. “A vinda aos bairros é um dia a dia que corre bem, há uma boa relação com as pessoas, por isso acabamos os cursos sempre com muita gente”, avançou. “Acreditamos na formação e que as pessoas formadas são mais felizes”, acrescentou.

O vice-presidente da Associação de Desenvolvimento de Santo António (ASA), Marcelo Gouveia, cuja entidade tem uma parceria com a IHM para o desenvolvimento do polo comunitário da Ribeira Grande, recordou que o mercado de trabalho está difícil e que a população deve aproveitar estas ferramentas disponibilizadas pelo Governo Regional para aprofundarem conhecimentos. “Hoje em dia é importante que cada um aposte em si”, salientou.

Neste ano letivo 2019/2020 no Polo Comunitário da Ribeira Grande, freguesia de Santo António, haverá cursos EFA - B3 (7º, 8º e 9º ano de escolaridade), com uma turma de continuidade que realizou o B2 (11 alunos), Nível Secundário (10º, 11º e 12º de escolaridade) e uma turma de iniciação (23 alunos). No Polo Comunitário da Nazaré haverá também Nível Secundário (10º, 11º e 12º de escolaridade), com uma turma de iniciação (26 alunos). A abertura do ano letivo no polo da Nazaré acontece amanhã, dia 17 de setembro, às 10h30.

Outros Projetos Educativos
Recorde-se que outras atividades, na área da educação, têm sido desenvolvidas pela IHM, EPERAM, desde 2015. Por exemplo, foram dadas aulas de alfabetização, que assentaram no capacitar de mais competências à população residente nos bairros, uma ação possível também em parceria com a Secretaria Regional da Educação.

Destaque ainda para o Projeto Inclusão Digital, Informática para todas as faixas etárias e que contou com a participação de centenas de formandos do Bairro da Nazaré, Funchal (Polo Comunitário da Nazaré / Associação Reinventa), Bairro da Ribeira Grande, Funchal (Polo Comunitário da Ribeira Grande/ Projeto Capacitar), Bairro da Estrada Comandante Camacho de Freitas, Funchal (Polo Comunitário da Comandante Camacho de Freitas) e Bairro da Nogueira, Santa Cruz (Projeto Renascer@Nogueira, Programa Escolhas).